BR-101 em Biguaçu terá desvio a partir da próxima quarta-feira, 2 de março, para andamento das obras do Contorno Viário

Arteris Contorno Florianópolis
BR-101 em Biguaçu terá desvio a partir da próxima quarta-feira, 2 de março, para andamento das obras do Contorno Viário

A interferência não deve gerar impacto de filas na região e será mantida até julho de 2023

A partir da próxima quarta-feira, 2 de março, o trânsito no km 177 da BR-101, em Biguaçu, terá um desvio em ambos os sentidos. Será implantada no local uma nova sinalização viária, que irá eliminar o acostamento da pista norte, e alterar a geometria da pista sul, com desvio à esquerda. O fluxo deve operar dessa forma entre os meses de fevereiro e julho de 2023 e se fez necessário para garantir o andamento das obras do trevo de interseção do Contorno Viário com a BR-101 Norte, que estão sendo realizadas na região.

A alteração não deve gerar impacto de filas na região, já que a característica original de duas faixas de rolamento será preservada em ambos os sentidos, com restrição apenas para acostamento na pista norte e limite de velocidade, que passa dos atuais 100km/h para 80 km/h no trecho.

O diretor de operações Sul da Arteris, Cesar Sass, reforça que essa interferência marca um avanço importante nas obras do Contorno. “O trevo de interseção do Contorno Viário com a BR-101 Norte é um dos pontos mais importantes dessa obra, que avança com os serviços de terraplanagem no local. As nossas equipes de operações trabalham para garantir que essa interferência cause o menor impacto possível para o usuário da rodovia”, conclui.

O Contorno de Florianópolis

O Contorno Viário de Florianópolis é a maior obra rodoviária em andamento no Brasil, cujo objetivo é desviar o tráfego de longa distância do eixo principal da BR-101/SC, melhorando o trânsito na região. A obra inclui quatro túneis duplos, sete pontes, seis trevos e mais de 20 passagens em desnível. Já foram concluídas quatro pontes, sete passagens em desnível, um trevo completo e 11km de pavimentação.
Atualmente, as obras foram iniciadas nos 50kms da futura rodovia. Em toda a extensão da obra, estão em andamento serviços drenagem, terraplanagem, construção de obras de arte especiais, como pontes, viadutos e trevos, além das escavações subterrâneas nos quatro túneis duplos que fazem parte do projeto.
A Arteris vai investir um total de R$ 3,7 bilhões até 2023 na construção do Contorno Viário.