Estudantes de engenharia civil realizam visita técnica ao Contorno Viário

Arteris Contorno Florianópolis
Estudantes de engenharia civil realizam visita técnica ao Contorno Viário

Grupo conheceu pontos importantes da maior obra de infraestrutura rodoviária em andamento no país

Na última quarta-feira, dia 1º, estudantes do curso de Engenharia Civil do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) realizaram uma visita técnica às obras do Contorno Viário de Florianópolis. O grupo foi recebido pela equipe da Arteris Litoral Sul, participou de uma apresentação e visitou os principais pontos da obra acompanhados das equipes técnicas da concessionária.

“Após um longo período de atividades remotas, o contato presencial dos alunos é um grande aprendizado. São nas visitas técnicas que os estudantes podem se inspirar e definir as suas áreas de atuação profissional”, destaca Fabio Krueger da Silva, professor do IFSC que acompanhou o grupo.

Além dos trabalhos de infraestrutura, os estudantes também puderam conhecer outras frentes de trabalho da Arteris Litoral Sul, como as atividades de meio ambiente, que visam fazer com que o empreendimento cause o menor impacto possível para a fauna e flora locais.

“Receber futuros profissionais de engenharia é de extrema importância para a concessionária. O Contorno Viário é a maior obra de infraestrutura rodoviária em andamento no Brasil e só é possível pelo esforço de profissionais de diferentes áreas. Esperamos que a visita tenha sido esclarecedora e desperte ainda mais o interesse dos estudantes em tudo que envolve grandes obras de infraestrutura” comenta Daniela Bussmann, coordenadora de meio ambiente da Arteris Litoral Sul.

O Contorno de Florianópolis

O Contorno Viário de Florianópolis é a maior obra rodoviária em andamento no Brasil, cujo objetivo é desviar o tráfego de longa distância do eixo principal da BR-101/SC, melhorando o trânsito na região. A obra inclui quatro túneis duplos, sete pontes, seis trevos e mais de 20 passagens em desnível. A Arteris vai investir um total de R$ 3,7 bilhões até 2023 na construção do Contorno Viário.