PROFESSORES DA REDE PÚBLICA MUNICIPAL RECEBEM TREINAMENTO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Arteris
PROFESSORES DA REDE PÚBLICA MUNICIPAL RECEBEM TREINAMENTO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Projeto da Autopista Litoral Sul está capacitando pelo terceiro ano consecutivo professores e alunos do entorno das obras do Contorno Viário de Florianópolis

Chamado de Circuito Ambiental, o projeto de capacitação é coordenado pela equipe de Gestão Ambiental do Contorno Rodoviário de Florianópolis e visa desenvolver atividades educativas na região onde está o Contorno está sendo implantado. O trabalho é realizado desde 2015 e nos últimos dois anos capacitou cerca de 400 professores cujos conhecimentos foram repassados a 1050 alunos, todos da rede pública municipal de Governador Celso Ramos, Biguaçu, São José e Palhoça, municípios por onde a nova rodovia irá passar. Neste ano, a expectativa é aumentar ainda mais o número de alunos e professores capacitados uma vez que 12 escolas estão participando do projeto, quatro a mais que no ano passado

Os primeiros dois encontros de 2017 foram com professores das três escolas de São José que estão inseridas no projeto, a Escola de Ensino Fundamental Califórnia, o Centro Educacional Municipal Santa Terezinha e o Centro Educacional Municipal Santa Ana. As duas primeiras receberam o primeiro encontro de capacitação de professores do Circuito Ambiental nas instalações da Escola do Meio Ambiente do município e cerca de 40 professores participaram das atividades.

Os instrutores apresentaram aos professores a programação de 2017 para os encontros do Circuito Ambiental em cada uma das escolas. O objetivo é seguir com uma sequência didática, abordando neste ano a segurança no trânsito e resíduos, além de relembrar assuntos já tratados em 2015 e 2016, como fauna e flora local, água, mobilidade urbana, arqueologia, entre outros. Os temas seguem as determinações da Política Nacional de Meio Ambiente e as atividades são multidisciplinares, com determinados encontros (projeto AutoValores) contando com  a participação dos pais dos alunos e da comunidade vizinha às obras da nova rodovia.

Para a coordenadora de Meio Ambiente da Autopista Litoral Sul, a bióloga Daniela Bussmann, o projeto vai além de cumprir uma determinação do processo de licenciamento, reflete o cuidado da Autopista com o Meio Ambiente e impacta positivamente no dia a dia da população. “É uma forma de levar para a sala de aula informações relevantes e multiplicá-las por meio de alunos e professores, ajudando a preservar os recursos naturais da região e mantendo a comunidade atualizada sobre as obras do Contorno Viário”, destaca a bióloga.

Para a professora Lucia Muniz Farias, diretora do Centro Educacional Municipal Santa Terezinha, o trabalho em desenvolvimento vai além de instruir os professores para multiplicação de informações junto aos alunos: “é de extrema importância que os nossos professores compreendam as alterações que chegarão com a nova rodovia e sejam sensibilizados para conscientizar ambientalmente os alunos. Percebemos, com o trabalho de 2016, que os resultados são sim vivenciados e a expectativa sempre é trazer trabalhos e projetos como este junto da Autopista, que interajam com alunos e ampliem o conhecimento deles”, afirma a professora.

A realização do Programa de Educação Ambiental é uma medida de compensação exigida pelo licenciamento ambiental federal, conduzido pelo IBAMA.

Capacitação Circuito Ambiental professores SJ- 2017
Professores de São José passaram por capacitação em Educação Ambiental